[ ERRATA ABNT ] O que é uma errata? Como fazer uma errata?

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Observações preliminares

Errata é elemento pré-textual não obrigatório e é prevista na norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas NBR nº 14.724:2011.
Para saber como fazê-la com facilidade, apresentaremos os métodos mais fáceis e difíceis no que se refere ao TCC.

Série Breves Lições para uma Monografia Perfeita

Erratas

Se esta for a sua primeira leitura na Plataforma da Monografia Perfeita, saiba que, nesta publicação, apresentamos a quarta matéria acerca dos elementos pré-textuais dos trabalhos acadêmicos mais relevantes: Trabalho de Conclusão de Curso (ou TCC), Dissertação de Mestrado, Tese de Doutorado e Trabalho de Faculdade.

Com o foco no que, de fato, interessa aos estudantes que se encontram na fase de conclusão de curso universitário, preparamos 25 artigos e vídeos que incrementam a sua escrita científica. Neste artigo, trataremos sobre erratas e como fazer uma errata ABNT em sua monografia.

Nesse sentido, a mencionada série organizou os artigos e vídeos em 3 partes conforme se pode verificar na página do Blog da Monografia Perfeita.

É importante observar que o acesso aos métodos que serão apresentados neste artigo estão à sua disposição por meio de dois planos.

No primeiro, chamado de Plano Estudante 100% Gratuito, você terá incríveis aplicativos para escrever seus trabalhos como a Máquina de Trabalhos de Faculdade e a Máquina de Projetos de Pesquisa.

A grande inovação é o fato de todos os aplicativos gerarem seus textos em PDF conforme as normas da ABNT.

No segundo, denominado Plano Avançado, há a Máquina de Monografia, cujo objetivo é auxiliar os alunos e as alunas que necessitam de escrever, por exemplo, seus Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) ou Dissertações de Mestrado.

Dessa forma, na Série Breve Lições para uma Monografia Perfeita, sempre perguntamos se existe a necessidade de organizar a sua pesquisa acadêmica rapidamente.

Se afirmativa a resposta, duas alternativas são ofertadas para elaborar a sua errata: a fácil e a difícil.

Com o método fácil, são feitas perguntas sobre o elemento em questão e as respostas do aluno ou da aluna são registradas, salvas e ajustadas automaticamente para as normas ABNT.

Caso opte pelo método fácil, siga com o Plano Estudante 100% Gratuito para poder utilizar a Máquina de Trabalho de Faculdade e a Máquina de Projeto de Pesquisa, ou no Plano Avançado para fazer uso da Máquina de Monografia, que possui duas versões para concluir seu TCC com prazo sugerido de 15 dias ou de 30 dias.

Além disso, é afastada a possibilidade de plágio, já que você contará com recomendações específicas para cada uma das frases e parágrafos que precisar de escrever.

Outro aspecto muito importante é o aprendizado natural tanto das normas de formatação quanto, especialmente, do pensamento científico para aprender a sustentar o seu posicionamento perante a banca examinadora.

Já na opção difícil, é explicado como formatar cada um dos elementos (obrigatórios ou facultativos) no Word de acordo com as normas ABNT.

Ademais, você também tem à sua disposição outras séries muito importantes de vídeos e artigos como a Série Breves Lições para o Projeto de Pesquisa Perfeito e a Série Breves Lições para o Trabalho de Faculdade Perfeito.

Por último, para ver mais vídeos explicativos sobre outros elementos e como escrever melhor, inscreva-se no canal no YouTube da Plataforma da Monografia Perfeita. Ao assinar e pressionar o sino, você receberá atualizações automáticas sobre o conteúdo que for adicionado ou atualizado não perder qualquer detalhe importante. E, não se esqueça de acessar a Playlist Breves Lições da Monografia Perfeita para assistir ao vídeo sobre Errata.

Vídeo Explicativo – Errata: o que é?

No quarto vídeo da Série Breves Lições para uma Monografia Perfeita, nós vamos mostrar como deve ser formatada a errata do seu TCC em menos de 2 minutos conforme as regras da ABNT para o ano 2019 na Máquina de Monografia.

Agora, iremos aproveitar para ver as respostas para as principais dúvidas dos estudantes sobre a errata.

Vamos lá.

Primeiro: o que é a errata e qual é a sua função?

A errata é um elemento opcional, sendo necessária ao se verificar erros após a impressão do seu trabalho de conclusão de curso (TCC).

Segundo: Quando devo fazer a errata?

É importante utilizar a errata se você verificar, após a impressão de seu trabalho acadêmico, que há determinados erros que precisam de ser corrigidos, caso contrário, haverá comprometimento de sua monografia.

Terceiro: Em que local deve ser inserida?

A errata deve estar logo após a folha de rosto, sendo apresentada em papel avulso ou encartado, adicionada ao trabalho após impresso.
A palavra “Errata” deve constar do topo da página, centralizada, com fonte Arial ou Times New Roman e tamanho 12.
Note-se que, preferencialmente, os itens da errata devem ser ordenados com algarismos arábicos para agilizar a consulta. Para mais detalhes, veja a norma ABNT NBR 14724:2011.

Onde encontro um modelo de errata?

Recomendamos que veja o modelo presente na seguinte página da Universidade Federal do Paraná. Caso você não queira se preocupar com as regras de formação, lembre-se de que os assinantes do Plano Avançado da Plataforma da Monografia Perfeita possuem acesso ao aplicativo que formata automaticamente a errata conforme a norma ABNT NBR 14724:2011.

5. Método fácil de formatação

5.1 Perguntas e respostas rápidas

Durante a escrita acadêmica, surgem muitas dúvidas sobre o que e como fazer cada um dos elementos. Assim, a Equipe da Monografia Perfeita oferece suporte online para a redação e a formatação de cada elemento obrigatório e facultativo seja na forma de vídeos explicativos, áudios e, inclusive, pela ferramenta de bate-papo.

No caso específico da errata, considerando-se que é elemento que apenas é preparado após a impressão daquela que seria a versão final do seu trabalho, os assinantes do Plano Avançado dispõem do auxílio dos atendentes online para entender as normas e saber apontar e tabelar os erros nessa nova folha.

No entanto, para evitar qualquer erro ao máximo quanto ao conjunto dos elementos obrigatórios e facultativos, os mencionados aplicativos possuem um planejamento que facilitam a sua organização e automatização:

A) um vídeo explicativo para cada dia de pesquisa:
a.1) 7 vídeos para Projetos de Pesquisa;
a.2) 7 dias para Trabalhos de Faculdade;
a.3) 15 ou 30 dias para TCC.

B) um áudio explicativo para cada parágrafo:
b.1) 35 áudios para Projetos de Pesquisa;
b.2) 35 áudios para Trabalhos de Faculdade;
b.3) mais de 100 áudios para cada capítulo do TCC.

C) um editor de texto automático para as normas ABNT:
c.1) com perguntas e respostas para cada parágrafo após escutar o respectivo áudio;
c.2) com 4 opções de texto científico para auxiliar a sua redação para começar ou terminar cada parágrafo.

5.2 É possível trabalhar e fazer o TCC ao mesmo tempo?

A dificuldade em realizar o trabalho acadêmico decorre, na maioria dos casos, do fato de que é o primeiro trabalho extenso do aluno ou da aluna. Tendo em vista que a ordem lógica não difere dos trabalhos de faculdade, o mais importante é saber manter o ritmo de pesquisa e o equilíbrio entre as diversas partes do TCC.

Dessa forma, a Plataforma da Monografia Perfeita oferece o método mais fácil para conciliar o esforço dos estudantes com as suas obrigações externas à academia.

A facilidade está na previsibilidade de cada fase conforme a organização de cada um dos dias e dos parágrafos da Máquina de Projetos de Pesquisa, da Máquina de Trabalhos de Faculdade e da Máquina de Monografia, além do suporte online sempre que você precisar.

6. Método difícil de formatação

Se o método fácil não for a sua opção, você poderá preparar a errata em outras ferramentas como o Microsoft Word. Nesse caso, utilizaremos a versão mais recente até 2019 (Office 365) para explicar e ilustrar cada um dos passos.

Tempo necessário: 40 minutos.

  1. Abra o seu editor de texto Microsoft Word;

  2. Crie um novo documento;

  3. Escreva a palavra “Errata”. Em seguida, centralize o texto e escolha o tipo de fonte (Times New Roman ou Arial), observando-se o tamanho 12.

  4. Pressione o botão marca padrão e, em seguida, aperte a tecla “enter” do seu teclado três vezes para gerar o espaço necessário conforme demonstrado na imagem.

  5. No último parágrafo, pressione o botão “Justificar”.

  6. Digite o último sobrenome do autor ou da autora com letras maiúsculas e insira uma vírgula.

    Utilizaremos o exemplo com o nome de um dos autores deste post: Rafael Meira Silva. Exemplo: “SILVA,”. Caso tenha dúvidas sobre qual sobrenome informar, veja nossa publicação sobre referências bibliográficas no Blog da Monografia Perfeita.

  7. Informe o primeiro nome do autor ou da autora seguido de um ponto. Há duas opções: a) escrever apenas a primeira letra do primeiro nome seguida de ponto.

    Exemplo: “R..”; ou b) escrever todo o nome. Exemplo: “Rafael Meira.”.

  8. Digite o título do trabalho acadêmico e, se houver, o subtítulo. Observe os seguintes detalhes:

    a) o título deve ser escrito em negrito;
    b) o subtítulo não deve ser escrito em negrito;
    c) o título e o subtítulo devem ser separados com dois pontos.

    Exemplo da tese de doutorado de um dos autores desta publicação: A relação da ética com a esfera pública: da actio ao discurso.

  9. Informe o ano do depósito ou da publicação do trabalho acadêmico seguido por um ponto.

  10. Digite o número de páginas do trabalho científico, pressione a tecla espaço e digite a letra “f” seguida de outro ponto.

    A letra “ f” refere-se à quantidade de folhas.

  11. Informe o tipo de trabalho acadêmico seguido por um travessão, sendo estas as opções mais comuns:

    a) Trabalho de Conclusão de Curso;
    b) Trabalho de Faculdade;
    c) Tese de Láurea;
    d) Dissertação de Mestrado;
    d) Tese de Doutorado;
    e) Tese de Livre-Docência;
    f) Tese de Pós-Doutorado

  12. Digite o nome da instituição de ensino superior seguido por vírgula.

  13. Informe o nome da cidade do depósito ou da publicação do trabalho acadêmico seguido por vírgula;

  14. Informe o ano do depósito ou da publicação seguido por ponto final.

  15. Crie uma tabela para informar os erros que foram identificados em seu trabalho acadêmico. Pressione o item do menu “Inserir” e, em seguida, pressione o botão “Tabela”: serão quatro colunas (na vertical) vezes o número de erros que serão reportados.

    Por exemplo, se foram 8 erros, você fará uma coluna com 4 colunas e 8 linhas.

  16. Cada uma das quatro colunas deverá receber a seguinte denominação:

    Coluna 1: Folha
    Coluna 2: Linha
    Coluna 3: Onde se lê
    Coluna 4: Leia-se

  17. Para cada um dos erros, informe nas respectivas colunas, observando-se que o texto deve ser centralizado:

    Coluna 1: o número da folha onde se encontra o erro;
    Coluna 2: o número da linha onde se encontra o erro;
    Coluna 3: a transcrição da expressão errada;
    Coluna 4: a expressão correta que deve ser considerada na leitura.

7. Exemplo e modelo de errata ABNT para TCC

Você pode visualizar um exemplo de errata no vídeo acima preparado pela Equipe da Monografia Perfeita na Máquina de Monografia. Além disso, disponibilizamos, abaixo, um exemplo de errata ABNT, para que você possa observar todos os elementos integrantes de uma errata.

Nesta imagem, veja um exemplo de errata, já formatada conforme as normas da ABNT, gerada pela Máquina De Monografia. É possível fazer uma pré-visualização antes da impressão.
Exemplo de Errata PDF gerada pela Máquina de Monografia

Também, se necessário, recomendamos que veja o modelo de errata presente no sítio eletrônico da Universidade Federal do Paraná.

Agora, caso queira receber gratuitamente um modelo de errata em formato Word conforme as Normas ABNT, envie-nos uma mensagem pelo nosso chat online no canto inferior direito da tela ou pelo formulário de contato para disponibilizarmos um link para download imediato.

8. Conclusão

Conseguiu tirar todas as suas dúvidas sobre como fazer a errata? Se precisar de ajuda, não deixe de entrar em contato com o nosso suporte online.

Caso queira nos acompanhar, inscreva-se no nosso canal no YouTube para ser atualizado sobre os próximos vídeos da Série Breves Lições para uma Monografia Perfeita e visite a nossa página www.monografiaperfeita.com.br para experimentar a Máquina de Monografia.

Da mesma maneira que você aprendeu sobre a errata, você tem à sua disposição outras séries de vídeos-tutoriais rápidos para nossas Máquinas que possuem acesso 100% gratuito, por exemplo, a Série Breves Lições para Projeto de Pesquisa perfeito, a série para Trabalho de Faculdade e a série para Referências Bibliográficas.

Obrigado por seguir esta explicação da Plataforma da Monografia Perfeita e nos encontraremos no próximo elemento pré-textual: a folha de aprovação.

Observação: para nos enviar uma sugestão de tema: envie-nos uma mensagem para [email protected] ou pelo nosso formulário de contato.

Referência bibliográfica:

  1. ABNT NBR 14724:2011;
  2. Universidade Federal do Paraná.
  3. Elementos Pré-Textuais
Summary
[ ERRATA ABNT ] O que é uma errata? Como fazer uma errata?
Article Name
[ ERRATA ABNT ] O que é uma errata? Como fazer uma errata?
Description
Veja o que é errata, como fazer uma errata ABNT e quando usar uma errata em seu TCC.
Author
Publisher Name
Codex Data
Publisher Logo

Autores

Plataformas Monografia Perfeita & Meu Artigo Científico

Prof. Dra. Cristina Godoy

Dra. Cristina Godoy

Prof. Dra. direito usp

IMG_Rafael_meira_silva_transparente

Dr. Rafael Meira

Gestor Codex Data®

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FAÇA A CAPA E A FOLHA DE ROSTO NO APP

EXPERIMENTE

GRATUITO

Não, obrigado(a). Essa não é a minha prioridade.
FORMATAÇÃO AUTOMÁTICA ABNT

MÉTODO MONOGRAFIA PERFEITA®

GANHE O E-BOOK GRATUITO SOBRE COMO ESCREVER SEU TCC

EM 12 PASSOS

Não, obrigado(a)
Rolar para cima